Poesias, assim como crianças são dádivas de Deus.

A alquimia da vida presentes em meus atos.

 

"Deus tudo perdoa, o homem pode até perdoar. Mas, a mãe Natureza, jamais perdoará o que fizermos."



Textos
Título Categoria Data Leituras
Posso eu está nadando contra a maré? Poesias › Vida 06/09/22 8
Independência do Brasil Poesias › Vida 05/09/22 5
Após pandemia, como estão as pessoas? Poesias › Vida 05/05/22 14
Mudas arrancadas Poesias › Vida 21/01/22 10
De mãos dadas contra a pandemia Poesias › Vida 29/03/21 8
Artrose (CID 10 - M18) Poesias › Vida 11/02/21 8
Pedinte  Poesias › Vida 04/11/20 16
Cartas Marcadas Poesias › Vida 17/09/20 7
Para que nasci? Poesias › Vida 02/06/20 7
"Se houver um amanhã" Poesias › Vida 11/04/20 32
Noite de Natal Poesias › Vida 24/12/19 33
Bipolaridade -  Poesias › Vida 23/12/19 7
Livro em branco Poesias › Vida 07/07/18 12
Emmanuel Castro Poesias › Vida 17/06/18 11
Dançar,bailar, desfrutar de endorfinas. Poesias › Vida 25/11/17 11
Bipolaridade Poesias › Vida 08/09/17 15
Tristeza de se ver Poesias › Vida 16/07/17 9
A dança num protesto de amor Poesias › Vida 03/07/17 13
Vitórias Poesias › Vida 13/11/16 7
Fênix Poesias › Vida 20/09/16 24

 
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
e mail: alegabema@gmail.com