Poesias, assim como crianças são dádivas de Deus.

A alquimia da vida presentes em meus atos.

 

"Deus tudo perdoa, o homem pode até perdoar. Mas, a mãe Natureza, jamais perdoará o que fizermos."



Textos


Leitura Reflexiva do livro de Dan Brown
 
Lendo Anjos e Demônios, e assistindo ao filme que traduz com clareza a nossa imaginação na real leitura, vejo que na conjuntura, o Código da Vinci, também entre a leitura e o filme, têm sei lá muitas mudanças.
A questão da própria Igreja , as reflexões que fazem entender as Bíblias Proibidas do canal History 2, que me fazem ver um Cristo, ao mesmo tempo Santificado, Humano, e como humano, mesmo que dialogasse com os ricos, ficava em meio ao povo sofrido do seu tempo, se fez mártire por esse povo, e quantos de nós, também nos fizemos?
Me questiono, que esta semana que passou, sim pois estou num domingo, dia consagrado aos antigos povos ao deus Sol, estrela maior, na religião católica, cristã, consagrado, ao Dia do Senhor, o próprio Papa Francisco, Químico, Humano, Sul Americano, Argentino, permitiu que as mulheres tivessem mais espaços nas obras da Igreja, mas ainda não sacerdotizassem, como pastoras de outras igrejas evangélicas.
Vejo, o mundo mudando demais, a História em si, a História das Ciências, da Artes, a Arquitetura antiga, as formas circulares, e eliptícas como as do átomo, tudo numa conjuntura, onde eu posso entender meu traço de escritora contemporânea, que na vã Filosofia, traduz o medo da Opus Dei, e as mentiras vividas pelo poderio de qualquer denominação Cristã, onde os servos, continuam a ter fé em Algo, numa Energia, que talvez sentimos e não vemos, e ainda enriquecendo não a Deus, mas os pastores, que moram em suas mansões, com seguranças, com jóias caras e raras, e como são milagreiros.
E, me vejo no contexto do qual fui criada, entre a Igreja Católica, Romana, onde eu cometi sacrilégios, e a Filosofia Espiritualista, na qual acredito que minha vida tem ligação com a minhoca, com um verme, com o tal corona vírus, somos todos aglomerados energéticos de Deus (A Matéria, se é tudo que ocupa espaço - volume - e tem massa), então somos todos criaturas de algo maior;  talvez da Partícula de Deus, como encontramos no livro Anjos e Demônios, Bóson de Higgs, somos algo que viemos , fomos criados da Energia Pura.
E, a cada passo que dou no meu estudo pela Quântica, pela Ciência das Letras e dos Números vejo e sinto isso.
Ao escrever as dores nas mãos desaparecem e minha mente vai além do imaginário, e eu não saberia descrever.
Se já vi Deus, Cristo? Sim, já O vi em minha mente, Ele não tem olhos azuis, mas a pele morena, barba escura, e uma voz de trovão; talvez o vi no momento de minha cirurgia dos meus rins, do Refluxo Urinário que tive desde o nascer, e que me colocaram em cirurgia apenas com 4 anos de idade, e agradeço a Deus, a tia Eunice, aos doutores Labibi Taiar e Renato, e no fato a todos, e não sei porque no sonho lembro que estava Adélia, minha prima, que considero, irmã mais velha. O porque não sei.
Hoje lendo esse livro, Anjos e Demnônios, com muita reflexão, vejo uma vida diferente, e embora muitas vezes já tenho assistido aos filmes, procuro o Cálice da Transmutação, e tenho a certeza que sou como Da Vinci, uma Alquimista, que hoje têm tecnologia binária para transformar manuscrito em grafia digital, para de certa forma ser reconhecida aqui ou no mundial, para traçar novas filosofias, novas regras para que se amem e respeitem, para que tenha amor ao próximo como a si mesmo, um legado Bíblico, Histórico que compõe nossas vidas.
E, ainda conhecer segredos sobre a Vida, e pedi o que Salomão, Rei, pedia todos os dias ao Senhor DEUS Jeová, Alá, Iavé, apenas Sabedoria para compor meus dias, com a escrita em prosa ou poesia, mas também para indicar aos meus filhos: Alexia Cristina, Emmanuel e Anna Clara,  para que documentos mais não se percam, e acredito sim, que a Bíblia, não é composta só dos textos evangélicos de 4 pessoas, mas de outras, de Maria, Maria Madalena e outros tantos escritos.
E, entender por que um Papa no passado, julgou Maria Madalena como prostituta, uma profissional do sexo, até hoje a Igreja deve desculpas a todos essas profissionais, e tem mais;  como Hittler, assassino confesso, tinha o apoio da Igreja? 
Realmente, meu reflexo de violar o sagrado, entender que eu, você, todos somos culpados por assassinatos à Natureza, as pessoas, às crianças deficientes e para tantas coisas, sim somos culpados por querer ao auro, ao invés da amizade, somos culpados...
E, como Jesus na cruz tinha 2 ladrões com ele, um foi perdoado, por ter se arrependido, e o outro, em nada acreditou.
Então, como seremos? O ladrão arrependido ou aquele que blasfemava?
Essa é minha real reflexão  sobre tudo que já li no livro de Dan Brown, e pelos filmes que assisti, não só dele, mas de cenas de outros mas que me levam ao conhecimento da Arqueologia, ao passado, que mesmo enterrado abaixo de nós, traz a História de quem e por que somos o que somos.
Paz, Bem, Sabedoria e Saúde também.
Manuscrita por Tereza Cristina G Castro em SP 17/Jan/2021.
09h e 22m.
Transcrito agora para esses sites.
Deus abençoe a todos após a leitura desse pequeno artigo.
Teka Castro
Enviado por Teka Castro em 17/01/2021
Copyright © 2021. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários


 
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
e mail: alegabema@gmail.com