Poesias, assim como crianças são dádivas de Deus.

A alquimia da vida presentes em meus atos.

 

"Deus tudo perdoa, o homem pode até perdoar. Mas, a mãe Natureza, jamais perdoará o que fizermos."



Textos
Título Categoria Data Leituras
Reconstruções Poesias › Espiritualistas 09/06/20 7
Ser ou não ser vereadora Poesias 09/06/20 7
Cultura da periferia Poesias › Social 07/06/20 12
Vidas flageladas Poesias 07/06/20 7
Junho Poesias › Comemorativas 07/06/20 11
Três meses de quarentena - Brasil Poesias 07/06/20 11
Condições de Amor Poesias › Social 07/06/20 8
Conhece-se literalmente Poesias › Sensuais 07/06/20 9
Vidas e vidas. O que importa? Poesias 05/06/20 9
Desafios d'alma Poesias 03/06/20 7
Para que nasci? Poesias › Vida 02/06/20 7
Centro de Mídias de São Paulo - Poesias 02/06/20 30
Ir contra a maré Poesias 02/06/20 8
Momentos difíceis Poesias 27/05/20 8
Sinusite - Cid J01. Poesias 09/05/20 8
Primícias Poesias 09/05/20 8
Cidadão do bem Poesias 09/05/20 12
Inquietação Poesias 09/05/20 7
Ato Institucional - AI 5 -  Poesias › Reflexão 20/04/20 16
Escrevo Poesias 20/04/20 16
Página 6 de 51 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 » «anterior próxima»

 
Site do Escritor criado por Recanto das Letras
e mail: alegabema@gmail.com